Devido ao lançamento da série A Sétima Arte, não teremos os programas diários nessa semana. Retornaremos com a programação normal no dia 01 de novembro.

Black Friday: origem, informações relevantes, cuidados e casos de sucesso

Redação Brasil Paralelo
Redação Brasil Paralelo

A Black Friday é a famosa sexta-feira no final do ano em que diversos comércios ao redor do mundo promovem grandes promoções. Os descontos atraem e inauguram a temporada de compras para o Natal.

No Brasil, a Black Friday iniciou-se nas plataformas digitais e, aos poucos, as lojas físicas foram aderindo à proposta

O que você vai encontrar neste artigo?

Artigos novos direto no seu Email

Mantenha-se sempre informado com os conteúdos da Brasil Paralelo. Cadastre-se!

Quando é a Black Friday?

Em 2021, a Black Friday será no dia 26 de novembro. O evento acontece sempre na sexta-feira após o feriado de ação de graças nos Estados Unidos.

O que significa Black Friday?

A tradução de Black Friday é "Sexta feira Negra". A origem do nome não é certa, mas a principal teoria afirma que o termo foi criado por policiais da Filadélfia na década de 60, para se referirem ao dia após o feriado do Dia de Ação de Graças, em que o trânsito, normalmente, torna-se um caos. 

Graças a popularização da expressão, os lojistas viram surgir uma grande oportunidade de vendas. Eles se aproveitavam do movimento maior de pedestres e carros para fazer diversas promoções e atrair compradores.

Essa referência ao trânsito logo se expandiu e se tornou uma expressão local, depois acabou se tornando uma tradição dos Estados Unidos e que vem se expandindo pelo mundo. 

No Brasil, a Black Friday chegou em 2011 com o portal Busca Descontos, e desde então o evento e a adesão de lojistas e compradores cresce exponencialmente, batendo recorde de vendas ano a ano.

Inicialmente, começou como um evento exclusivamente online no Brasil, que passou para o varejo físico e atualmente atinge desde o pequeno até o grande varejista.

Que dia acontecerá a Black Friday no Brasil?

Em 2021, o evento ocorre no dia 26 de novembro, última sexta-feira do mês.

  • Contribua para que mais artigos como este continuem a ser produzidos e torne-se Membro Patriota da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 mensais. Além disso, você acessa materiais exclusivos todos os meses e ajuda na expansão e continuidade deste trabalho.

O que é a Black Friday?

multidão-na-black-friday

A Black Friday é uma campanha de vendas que traz grandes descontos em produtos de todas as categorias como: 

  • smartphones
  • notebooks
  • eletrodomésticos; 
  • TVs; 
  • roupas; 
  • calçados;
  • livros.

A grande vantagem é que os descontos são realmente relevantes e as compras de Natal não precisam ficar para o último dia.

Tradicionalmente conhecida como a inauguração do período de compras de fim de ano, a Black Friday é aguardada por consumidores que buscam produtos com bons descontos.

Black Friday: veja como não cair em fraudes

O órgão que é responsável pela defesa do consumidor no Brasil é o Procon. Ele fiscaliza as possíveis fraudes em operações econômicas. Na Black Friday, sua atuação geralmente é intensa.

Entre as orientações dos Procons para a Black Friday, estão:

  • verificar com antecedência o preço dos produtos de interesse, pesquisar em mais de uma loja ou site e usar aplicativos e sites de comparação de preços para avaliar se o valor é de fato promocional;
  • desconfiar de preços muito abaixo da média, pois podem ser indícios de fraude. Ter cuidado com ofertas tentadoras enviadas por e-mail, por SMS ou anunciadas em redes sociais, especialmente de lojas que o consumidor desconhece;
  • fazer uma lista dos produtos ou serviços desejados e estipular um limite de valor para evitar gastar além do previsto e se endividar;
  • para verificar a segurança de um site antes de fazer a compra, o consumidor deve clicar no cadeado que aparece no canto da barra de endereço ou no rodapé da tela do computador. O endereço da loja virtual deve começar com https://;
  • todo site deve exibir o CNPJ da empresa ou o CPF da pessoa responsável, além de informar o endereço físico da loja ou o endereço eletrônico de contato. Também deve ter à disposição um canal de atendimento, o chamado Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC).

Os golpes mais comuns na Black Friday são:

  • phishing — golpe que é aplicado quando os criminosos criam sites, mensagens ou e-mails pelos quais se passam por alguma empresa ou loja. Assim, conseguem dados pessoais e do cartão da vítima;
  • sites falsos;
  • boleto falso;
  • mudança de preço no carrinho de compras;
  • senhas de cartão roubadas;
  • produto adquirido diferente do que é entregue;
  • compras em sites ou aplicativos inseguros;
  • frete com valor maior que o produto.

Na Black Friday, muitos consumidores são atraídos por ofertas tentadoras, mas é preciso atenção para diferenciar as verdadeiras promoções de golpes realizados por criminosos para roubar dados. 

Uma pesquisa realizada pelo Dfndr Lab, laboratório especializado em segurança digital da PSafe, analisou os hábitos de compra dos brasileiros às vésperas da Black Friday, e descobriu que 1 entre 6 entrevistados já teve o cartão de crédito clonado.

Uma das principais formas de clonagem de cartões de crédito é o golpe de phishing

Para atrair as vítimas, os cibercriminosos utilizam sites falsos com visual e linguagem bem similar aos sites originais, com ofertas bastante atraentes para convencer o comprador a fornecer informações pessoais e dados bancários no cadastro.

Alguns dados levantados pelo laboratório de segurança podem causar espanto:

  • Na Black Friday de 2020, 45 mil pessoas foram vítimas de phishing;
  • 16% dos entrevistados tiveram cartão clonado;
  • 63% dos entrevistados já receberam links de falsas lojas ou de falsas promoções; 
  • 73% admitem ter medo de comprar on-line.

A pesquisa entrevistou 11.274 brasileiros, usuários do aplicativo Dfndr Security, entre 12 e 16 de novembro de 2020.

Além desses golpes mais comuns, é possível evitar alguns portais. O Procon de São Paulo tem uma lista com sites que tiveram reclamações de consumidores registradas. Por isso, antes de realizar uma compra, é bom garantir que o site não esteja nesta lista.

Outro levantamento de golpes na Black Friday feito pela empresa Kaspersky, apresentou os seguintes resultados:

  • foram bloqueadas 5.936.074 tentativas de acesso a sites de phishing na América Latina no período entre 29 de outubro e 18 de novembro de 2020;
  • a média de tentativa de golpes on-line por minuto é de 196.

Urgência na hora da compra é outro fator usado pelos golpistas para enganar as pessoas na Black Friday. A oferta aparece como urgente, a ser encerrada em apenas uma hora, e o comprador, movido pela oferta imperdível e pela sensação de escassez gerada, compra sem pesquisar com calma.

O que fazer se cair em um golpe na Black Friday?

As recomendações dos especialistas são as seguintes:

  1. caso a compra efetuada venha diferente do prometido na promoção, registrar a diferença entre oferta e produto e registrar um boletim de ocorrência;
  2. caso seja um golpe de site falso, clonagem de cartão ou roubo de dados, procurar o banco imediatamente e pedir o cancelamento do cartão;
  3. caso seja uma compra por boleto, dificilmente o valor pode ser reavido. Neste cenário, o consumidor terá de ingressar com uma ação civil contra o dono da empresa, pedindo bloqueio de bens. Mas, se a empresa que aplicou o golpe não existir, não há nada a ser feito.

Nos boletins de ocorrência, o problema pode ser registrado com uma simples captura de tela do celular ou computador. É um registro simples que pode ajudar o consumidor a resolver sua situação.

Dicas para aproveitar a Black Friday

desconto-black-friday
  1. fazer uma lista de desejo: escolher antes da chuva de promoções quais são as prioridades evita gastos desnecessários motivados pela tentação da baixa do preço;
  2. pesquisar os preços desde já: para perceber quando um site anuncia falsas promoções;
  3. estabelecer um limite de gastos: para controlar o orçamento e quantos produtos podem ser adquiridos;
  4. consultar as formas de pagamento da promoção: alguns sites exigem cartão, outros exigem cadastro prévio; a consulta ajuda a garantir uma boa compra;
  5. cadastrar nos sites onde deseja comprar produtos em promoção: o cadastro ajuda a ter prioridade no produto em promoção e evita os sites falsos que são disparados durante a Black Friday;
  6. estar atento aos prazos de pagamento: algumas promoções têm prazo de validade, e isso evita que fique para a última hora e se desperdice o desconto.
  • Torne-se Membro do Núcleo de Formação da Brasil Paralelo para ter acesso ao Núcleo de Formação. Você terá conteúdos exclusivos de todos os documentários e acesso a dezenas de cursos sobre história, filosofia, economia, arte e educação. Aprenda com os grandes pensadores da humanidade e receba conteúdo inédito todos os meses.

Casos de sucesso na Black Friday no Brasil

Muitas vezes os brasileiros tendem a acreditar que no seu país nunca existem os descontos que o evento promete, que, na verdade, é uma grande “black fraude”. Porém, algumas empresas mostraram que é possível inovar e faturar neste período de promoções.

O Banco Inter, com seu marketplace que oferece cashback na compra de produtos específicos, conseguiu um faturamento de 19 milhões de reais em vendas na Black Friday de 2020.

A loja de departamento C & A conseguiu migrar 50% das suas vendas para a plataforma on-line na Black Friday de 2020. A aposta foram descontos antes da sexta-feira e condições únicas para compras no app, o que alavancou suas vendas e a exposição de sua marca.

O Grupo SOMA é um dos maiores grupos varejistas de moda do Brasil, com mais de 12 marcas associadas à sua rede. 

Em expansão internacional com a FARM Rio, o grupo arrecadou uma receita de US $34 milhões e cresceu seu valor de mercado em US $12,1 milhões durante o quarto trimestre de 2020, que inclui a Black Friday e o Natal.

Portanto, é possível encontrar bons descontos, fazer boas compras, boas vendas e aumentar o faturamento das empresas no evento da Black Friday.

Comente e compartilhe. Quem você acha que vai gostar de ler sobre Black Friday?

A Brasil Paralelo é uma empresa independente. Conheça nossas produções gratuitas. Todas foram feitas para resgatar os bons valores, ideias e sentimentos no coração de todos os brasileiros.

Artigos novos direto no seu Email

Mantenha-se sempre informado com os conteúdos da Brasil Paralelo. Cadastre-se!

Outros Artigos

VER TODOS